Lazer

Roupa Vintage: o que é e como usar?

por pcassio

10/12/2020

A roupa que esteve na moda há um par de décadas e que agora volta a ser apreciada está na base do conceito vintage. Trata-se de uma tendência que vem crescendo nas lojas nos últimos anos e que também ganha adeptos por ser mais ecológica. A sustentabilidade da roupa vintage contraria a “fast fashion”, provocada pela velocidade de produção em massa.


Ter peças de roupa vintage em casa, para além de estar na moda, permite a qualquer pessoa dar um cunho mais personalizado ao estilo, assente em peças de outra época.  Não se deve, no entanto, confundir este conceito com o de roupa “retro”, que não é mais do que algo novo com aparência de velho. Uma peça de roupa vintage é, de facto, um artigo antigo, produzido noutra época, mas que continua a ter sucesso nas lojas.


Mas quais são as peças básicas de roupa vintage que deve ter no armário? Eis alguns exemplos:


1. Vestidos acetinados


Originais dos anos 1990, os vestidos acetinados têm uma estética minimalista e podem ser usados com uma sandália rasa ou de salto alto. Adaptam-se facilmente ao inverno quando conjugados com uma camisola de gola alta de malha por cima.


2. Calças à boca de sino


Nasceram nos anos 1970, voltaram em grande nos anos 1990 e mantêm-se na tendência atual. As calças à boca de sino podem ser conjugadas com qualquer espécie de camisola ou calçado, destacando-se as de ganga, que são as mais comuns. É imprescindível que tenha pelo menos umas de cor preta.


3. Calções de cintura subida


A cintura subida é um “must” na roupa feminina, que acentua as linhas e define melhor o corpo. Este tipo de calções pode ser usado com uma camisola colorida e com umas sapatilhas a condizer.


4. Coletes


Estavam entre os artigos mais na moda nos anos 1970 e estão de volta para serem usados por cima de vestidos estampados e com botas. Se quiser adotar um estilo totalmente vintage, basta juntar os coletes a umas calças à boca de sino e a uma camisa.


5. Mocassins


Vamos agora ao calçado. Depois da popularidade obtida nos anos 1950, os mocassins voltam agora a ser um dos modelos de sapatos preferidos do público feminino. São confortáveis, versáteis e dignos de fazer parte de qualquer guarda-roupa.



6. Casaco de couro


Aqui está uma peça sempre atual, que complementa bem um look vintage. Existem casacos de couro de vários tipos, com gola larga, coberta em pele ou com fecho, são muito versáteis e dão harmonia a qualquer outfit.


7. Acessórios


Para um toque final no look vintage, nada como apostar num lenço floral, numa bandolete estampada ou até nuns óculos quadrados. Outras opções passam pelas pulseiras, colares ou por bolsas delicadas.


Agora que já sabe o que usar num estilo vintage, é preciso perceber como usar. Aqui ficam algumas dicas:


- Escolha uma década. Misture as diferentes peças consoante cada tendência.


- Reúna peças dos familiares. Pode começar pelo guarda-roupa dos avós e passe a seguir para o dos pais. Depois, basta aprender a conjugar as peças e acrescentar uns acessórios para o toque final.


- Misture texturas e materiais. O truque é manter o equilíbrio. Se vai apostar numas calças à boca de sino, combine-as com uma blusa mais justa e um salto alto. Uma saia vintage é ideal com um top mais simples.


- Aposte nos contrastes. Não há uma cor única que defina uma peça de roupa vintage. Entre o branco e o preto, com variações de cinza e beige, eis a paleta perfeita.


- Se gosta mais de um estilo clássico, arrisque nuns sapatos tipo plataforma ou metalizados e quebre a formalidade. Se quiser usar um vestido rodado dos anos 1950, urbanize-o com umas sapatilhas. Com equilíbrio, é só dar asas à criatividade.