Família e Saúde

Roupa de Inverno: Essenciais

por Filipa Santos

05/01/2022
Roupa de Inverno: Essenciais

Descem as temperaturas, aparecem as nuvens, cai a chuva...às vezes, o inverno pode deprimir-nos, mas a roupa de inverno é uma forma de nos animarmos. Múltiplas camadas para combinar com o essencial em mente, a proteção e o conforto. Mas quem disse que o estilo não entra nas contas? Dos casacos de inverno aos gorros, passando pelas botas e camisolas aconchegantes, navega pelos essenciais da estação para te inspirares e reorganizares o guarda-roupa. Um simples vestido de inverno pode ser o toque que falta para fazer a diferença.  

 

É verdade que a roupa de inverno é mais cara, em função dos materiais usados, mas deve ser vista como um investimento: afinal, quer peças fortes para resistir às condições atmosféricas mais agressivas. Não adianta pensar que está a poupar para depois sair à rua e ficar a bater o dente ou chegar a casa encharcado ao fim de um longo dia. 

 

 

CASACOS DE INVERNO


 

Vamos começar pela primeira coisa que vem à cabeça quando pensamos em frio e chuva: casacos de inverno 

Será uma das peças mais caras e até te pode custar um bocadinho na hora de passar pela caixa, mas sentires-te-á recompensado perante o aconchego que te é garantido. Além disso, estas roupas de inverno dão um toque de classe infalível ao visual, especialmente se estivermos a falar dos sobretudos: não tem como falhar. Mais compridos, ao nível do joelho, ou mais pela cintura, com os seus botões, bolsos super práticos e golas reconfortantes, são indispensáveis para enfrentar o frio e adequados a qualquer cenário. Mesmo num contexto mais formal ou profissional, o sobretudo não te vai deixar fica mal. É uma boa ideia escolher cores neutras e sóbrias, para ser mais fácil combinar com as outras peças, mas um padrão axadrezado também é uma tendência a considerar.


O sobretudo é essencial no tempo frio, mas, para enfrentar a chuva, há casacos de inverno especialmente pensados para isso. Falamos das parkas, kispos e casacos acolchoados. A palavra-chave é: impermeável. Bem sabemos que o guarda-chuva não nos protege a cem por cento (menos ainda se houver vento) e acabamos sempre por nos molhar. É por isso fundamental ter um casaco que mantenha a roupa seca, porque, de outra forma, vamos sentir-nos como se estivéssemos sem agasalho algum. Além disso, há casacos deste estilo com revestimentos que os tornam também úteis para o frio, numa espécie de dois em um. Tem múltiplas formas e tamanhos à escolha, mas não te esqueças da utilidade de um carapuço – em alguns modelos podem ser retirados e colocados facilmente consoante a necessidade, sempre muito útil.
 


Ainda a pensar na chuva, mas mais adequado para o princípio e fim do inverno, uma gabardina, ou
trench coat, junta a elegância à proteção.
 

 

 


VESTIDOS DE INVERNO E CAMISOLAS

 
E por baixo do casaco? Normalmente, o vestido é associado ao tempo quente, mas um vestido de inverno pode dar-te estilo sem te retirar conforto e proteção.  

Vê vestidos de malha de inverno, num material mais aconchegante que pode completar com um acessório essencial para esta altura: os collants. Se, lá está, tiveres um casaco de tons neutros, podes sempre escolher um vestido de inverno com um padrão mais arrojado. Será o teu gosto a decidir. 

Outro básico da roupa de inverno para investir em várias formas e cores: as camisolas. As de gola alta, além de confortáveis, também dão um toque clássico e elegante ao visual, seja feminino ou masculino. Camisolas de lã, de malha mais grossa ou com um revestimento cardado também devem fazer parte do guarda-roupa, sendo que aqui tens opções tanto para contextos formais como casuais. Contudo, tem atenção às instruções de lavagem, alguns materiais, como a caxemira, são delicados e podem estragar-se se tomar a opção errada. 

 

 


ACESSÓRIOS



 

Diz-se que os acessórios são detalhes que fazem a diferença no visual, só que, no inverno, também são essenciais para o conforto.  

De facto, para nos protegermos de temperaturas baixas, é fundamental não descurar as extremidades, ou seja, cabeça, mãos e pés. É que até podes ter um casaco de inverno quentinho e uma camisola grossa, mas vais passar mal se não cuidares das mãos, por exemplo. Aconchega-te com um gorro, luvas, que hoje em dia estão aptas para acionar o smartphone e meias quentes.

Contudo, o rei do acessório de inverno é mesmo o cachecol. De diferentes tamanhos, padrões, cores e materiais, é quase impossível sair à rua no inverno sem este aliado.
 

Se no teu dia-a-dia passas muito tempo na rua, considera este truque: uma camisola térmica. Não precisa de ser muito volumosa e adapta-se ao corpo e mantém-no quente, podendo até dispensar uma camada de roupa. 

 

 


CALÇADO



 
Como já dissemos, é importante protegeres as extremidades e, por isso, vais precisar de calçado apropriado. Sejam botas ou botins, rasos, de salto ou de cano alto, encontrarás um modelo ao seu gosto. Não é difícil combinar com a roupa de inverno e garante os pés secos e quentes. Há materiais mais aptos para a chuva – que tal umas galochas? - e outros a pensar no frio, como a camurça.